Fineza Teta "Fisty"

Artes Plásticas

Biografia

Fineza Sebastião Teta, nasceu no dia 26 de Dezembro de 1977, na Ilha de Luanda. É filha de Arménio Sebastião Teta e Joana Maria das Neves Teta, ambos guerrilheiros peregrinos angolanos de origem humilde. Decima filha entre onze irmãos fez o ensino primário no “São José de Colonie” e desde criança manifesta sua vocação artística. Aos 17 anos de idade abandona o segundo ano do curso de Ciências Biológicas, no PUNIV para inserir-se no INFAC (Instituto de Nacional de Formação Artística e Cultural), actualmente denominado ENAP (Escola Nacional de Artes Plásticas), onde conhece um professor e amigo, que a apresenta um mestre das artes de pintura, Guilherme Camela Simão (kaniak). Neste período Fineza foi tendo aulas de pintura, no seu atelier localizado no bairro Gika, (ex-quartel militar). Naquele espaço, no processo de afirmação, surge o nome FIST, conjunto de inicias de seu nome Fineza Sebastião Teta. Na altura já participava em algumas exposições coletivas. Em 1988 com a obra O Casamento, pintada no Gika , ganha uma menção honrosa no prémio “ENSA Arte” e parte para África do sul, em busca de um aprendizado mais sistemático e aprofundado em comunicação visual plástica e Design, pela “Open Window Arte Academy”. Em 2004 termina sua formação e permanece na África do sul até 2005, altura que seu nome artístico ganha maIs uma letra, “Y”, para afeminar seu nome, que passa a ser FISTY. No mesmo ano parte para o Japão a convite da Comissão Nacional Expo Japão 2005 na pessoa da Comissária Geral, Albina de Assis Africano, onde permanece por oito meses. Neste período vai à Rússia a convite do embaixador, Roberto Leal Monteiro "Ngongo" para uma Exposição, "Primavera" de mulheres artistas Europeias, pela Fundação IRIDA onde é premiada menção honrosa com obras que retrataram a sua terra. De regresso ao Japão o STAND de Angola destaca-se entre os demais e torna-se atração de referências nesta exposição. Longe de casa, com saudades de sua família e gente, decide voltar a Angola. No inicio de 2007 participa pela segunda vez no premio ENSA ARTE, onde em sua tela exprime a necessidade de se Reencontrar com Angola (Em busca das minhas raízes). E arrebata o prémio Juventude, nesta categoria. Surge, pela segunda vez, um convite para Expo Zaragoza 2007, onde Fisty Teta projeta a fachada do Pavilhão de Angola e assume a responsabilidade de diretora do Pavilhão por cinco meses. Depois surgiram a Expo Shangai e a Expo Coreia do Sul, onde participou como decoradora e expositora. Na Bienal de Veneza 2012, participa com a Colecção ENSA ARTE e Edson Chagas. Angola recebe o Leão de Ouro com sua participação, onde surgem convites para outras participações em Exposições em nacionais e internacionais. Aos poucos com a formação que possuía e suas experiências no mundo das Artes Visual e Plástica, na ciência da pintura antiga, moderna e contemporânea, foi emergindo ate divergir. No prémio ENSA ARTE 2014, onde participa pela terceira vez, FISTY arrebata o grande prémio de pintura nesta categoria, ganho pela primeira vez por uma mulher em mais de 15 anos de sua existência, com a obra Inquietações Culturais. No mesmo ano, a convite da Embaixada de Portugal em Angola, na pessoa de Teresa Mateus, directora do Instituto Camões, para sua grande e primeira exposição individual intitulada “Divergente” que ficou exposta durante o mês de Dezembro deste ano ate Janeiro do ano seguinte. Em 2015 num conjunto de artistas de renome nacional e internacional participa do projeto Delta Q, maquinas de café, que vem à posterior ganhar prémios em Lisboa, pela criatividade do projecto. No mesmo ano participa como expositora na Expo Milão com a instalação " Songo" e em simultâneo, participa num projeto da Topasio Angola 40 anos de Independência com o Design de uma peça a ser fundida em prata/bronze. E no final do mesmo ano Fisty, organiza a sua segunda grande Exposição individual, dentro do Memorial Dr. António Agostinho Neto, a convite da instituição.


  • Premiações

  • + Veja Mais

  • Bienal de Veneza

  • Obra/Papel: Leão de Ouro com a colecção ENSA Arte e Edson Chagas

  • Categoria: Favorite Alternative Artist

  • Ano: 2012

  • ENSA ARTE

  • Obra/Papel: Grande premio de Pintura

  • Categoria: Favorite Alternative Artist

  • Ano: 2014


  • Obra/Papel: Premio Junventude

  • Categoria: Favorite Alternative Artist

  • Ano: 2007


  • Obra/Papel: Mensão honrosa pela obra "o casamento"

  • Categoria: Favorite Alternative Artist

  • Ano: 1988

Comentários

12/07/2016 10:33:35
Patrícia Cardoso

Sucesso são os meus votos Fisty. Deus te abençoe sempre. Te amo

Artista do mesmo gênero