Sarita sonha ser reconhecida internacionalmente pelo seu talento musical

Sarita sonha ser reconhecida internacionalmente pelo seu talento musical

29 de novembro de 2019

Sarita, de nome próprio Sara Joaquim, nasceu há 21 anos, em Benguela. A frequentar o Ensino Superior, a jovem cantora tem dado passos a fim de consolidar a carreira musical a solo.

Começou a cantar aos 14 anos de idade com a Banda Kakonda, no Lobito. Hoje, sete anos depois, já na capital do país, Sarita trabalha para afirmar seu nome nas lides musicais luandenses.

Influenciada pela musicalidade de Yola Semedo e Asa, define-se como uma artista clássica. E garante que o seu gosto pela música e a satisfação que o canto lhe proporciona são as razões que a levam aos palcos.

Embora interprete em concertos algumas músicas nacionais e internacionais superconhecidas, Sarita tem várias músicas autorais e algumas como ‘A Nina tá Malé’ e ‘Amor Antigo’ já se encontram disponíveis nas plataformas digitais.

À Neovibe, a artista revelou que com a sua música pretende transmitir mensagens sobre amor, beleza, tranquilidade espiritual e paz entre os povos. “Porque acho que o mundo deveria ser assim”, reiterou.

Sem hesitar em algum momento, Sarita revelou que gostaria de fazer um dueto com o conceituado cantor Matias Damásio. “Não só por ele ser da minha terra, Benguela, mas porque me identifico muito com a sua forma de cantar”, contou.

Revelou que tem em carteira algumas músicas prontas e prestes a serem lançadas. No entanto, enquanto ainda não foram disponibilizadas, Sarita aconselha seus ouvintes a tirarem maior proveito das suas músicas promocionais ‘A Nina tá Malé’ e ‘Amor Antigo’.

Terminou dizendo que sonha ser reconhecida internacionalmente pelo seu talento musical.


Texto: Lourenço Mussango

Fotografia: Santo César

Fonte: Neovibe

Tags: #Sarita , #Cantora , #ANinaTáMalé , #AmorAntigo , #Sonhos