Músico vítima de fama precoce clama por ajuda

Músico vítima de fama precoce clama por ajuda

6 de fevereiro de 2019

De 27 anos, Adelázio canta Semba. É o autor do sucesso ‘Não Fatiga Mangole’. Bangão, Matias Damásio desejavam gravar com ele. Escreveu a música ‘Selina’, de Yuri da Cunha, mas hoje sente a carreira ameaçada e precisa de ajuda.

Adilson Dias de Bastos, mais conhecido como Adelázio, por causa da sua música ‘Não Fatiga Mangole’, entra no mundo da música aos cinco anos, quando frequentava o internato católico Associação Mulemba, em Viana.

Nessa escola, o jovem também aprendeu o artesanato e artes plásticas. Adelázio sempre manteve fortes inclinações para a arte. Uma das suas obras plásticas, pintada ainda na infância, encontra-se na Rádio Nacional de Angola. No quadro, o pequeno Adilson retratou aviões a fazerem bombardeamento e a distribuírem comida numa aldeia.

Contudo, foi a música que lhe deu protagonismo. O cantor narra que, aos 9 anos, sua tia escrevia para si algumas letras com que participava em concursos organizados pela Fundação Lwini.

“Aos nove anos a minha tia passou a compor para mim e comecei a participar em vários concursos organizados pelo Fundo Lwini”, nostálgico lembrou.

Foi aos 16 anos que o jovem escreve a conhecida música ‘Não Fatiga Mangole’. Com esta letra, Adelázio participou e sagrou-se o segundo classificado do concurso ENSA, em 2010, superando Selda e Kyaku Kyadaff. Mas hoje enfrenta uma vida difícil e precisa de ajuda.

“Quem quiser patrocinar estou aqui. Tenho mais de 30 discos preparados cada um com 14 músicas”, rogou.

Com a música ‘Não Fatiga Mangole’, o seu nome tornou-se conhecido e passou a compor para Edy Tussa, Yuri da Cunha e Kelly Silva.

Apesar de estar a enfrentar o anonimato, sua paixão pela música mantém-se. O artista continua a escrever e, de quando em vez, é convidado para algumas actividades no seu município.

“O mais-velho Bangão queria que eu escrevesse para ele. O Matias queria gravar comigo. A música Celina, de Yuri da Cunha, fui o autor. Escrevi para Carina Santos, Gisela Silva, Kelly Silva, Francis Boy, Edy Tussa…é melhor não falar”, emocionado balbuciava.

A canção ‘Não Fatiga Mangole’ não é o seu único sucesso, o jovem tem 9 faixas gravadas e é o responsável pelos sucessos ‘Quero’ e ‘Kiselenguenha’, cujos vídeos clipes podem ser visionados no YouTube.

Ao responder sobre porquê as coisas correram mal, aparentemente cabisbaixo, o músico apenas disse: “Quando o Não Fatiga Mangole batia ninguém sabia que a música era minha. E esta nem sequer é a minha melhor música. Enfim, penso que foi má gestão de carreira, irmão”, lamentou.

Notório no estilo Semba, Adelázio canta e escreve também Kilapanga, Rumba, Merengue, Kizomba e Kazukuta.


 

Texto: Albino Tchilanda

Fotografia: Alcides da Conceição

Fonte: Neovibe

Tags: #Adelázio , #MúsicoAngolano , #NãoFatigaMangole , #Semba